12/03/2018 17:58:00

APAC de Timóteo promove curso de formação de voluntários

Para desenvolver sua tarefa, o voluntário deve participar do curso de formação para conhecer a metodologia



Divulgação


Essa é a terceira edição da capacitação que ocorrerá de março a junho
A Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (APAC) de Timóteo promoveu a aula inaugural da terceira edição do Curso de Formação de Voluntários – Método APAC. O evento foi realizado na sede da Uniube, bairro Bromélias, sábado (10), e contou com participação de cerca de 70 pessoas.

A abertura do curso foi realizada pelo fundador e coordenador da metodologia da APAC em Timóteo, José Carlos de Paula, e o presidente da entidade, Sidney Pereira Gurgel, que fizeram a apresentação geral da proposta da metodologia e do funcionamento da APAC, que funciona no bairro Ana Malaquias e atualmente assiste 24 recuperandos. A entidade tem capacidade para atender 40 internos.

“Já protocolamos na Justiça a solicitação para o atendimento total de nossa capacidade. A APAC tem a missão de promover de forma humanizada a ressocialização dos recuperandos. Trabalhamos com 12 elementos que baseiam-se na valorização humana, oferecendo aos condenados condições de se recuperar, e, numa perspectiva mais ampla, a proteção da sociedade e o amparo às vítimas”, informa o coordenador, destacando a importância do trabalho voluntário para a concretização dos objetivos da metodologia.

Voluntários

O Curso Formação de Voluntários – Método APAC encerrará no dia 16 de junho, com a realização das aulas aos sábados, de 9h às 12h, na Uniube. O trabalho é baseado na gratuidade, no serviço ao próximo, como demonstração de amor e carinho para com o recuperando. Para desenvolver sua tarefa, o voluntário deve participar do curso de formação para conhecer a metodologia e desenvolver suas aptidões para exercer o trabalho com eficácia e espírito comunitário.

No dia 17 de março, a aula será ministrada pelo representante da Federação Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC), o gerente de Relações Institucionais Rinaldo Cláudio Guimarães, e o presidente da entidade social SET-FREE da Alemanha, Pedro Holzhey.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário