10/03/2018 17:00:00

Tecnologia: Gravata digital permite que noivos recebam doações por QR Code

Convidados podem presentear noivos por meio de smartphones em novo recurso do iCasei



Divulgação


A nova ferramenta, a Gravata iCasei, garante que todos possam presentear o casal com aquele valor a mais
Quando os convidados já se jogam na pista de dança, todos se divertem e o clima está descontraído, é um ótimo momento de os noivos iniciarem a brincadeira da arrecadação junto aos padrinhos e madrinhas. A tradição de retalhar uma gravata ao longo desse processo ganhou uma releitura digital pela plataforma de serviços de casamento iCasei , que permite a realização de doações por meio da leitura de um QR Code.

A nova ferramenta, a Gravata iCasei, garante que todos possam presentear o casal com aquele valor a mais, uma vez que cada uma das mesas recebe um QR Code e, por meio da leitura, eles podem doar o quanto desejarem por meio do cartão de crédito. “A novidade veio para facilitar não só a vida do noivo e de seus padrinhos, mas também a dos convidados. Não é comum que as pessoas andem com dinheiro vivo hoje em dia”, lembra Luis Machado, fundador do iCasei.

No entanto, para aqueles que se divertem com a tradição e não querem deixar de lado a brincadeira, a Gravata iCasei também é uma boa pedida. “O recurso não precisa, necessariamente, ser a única forma de doação, mas pode ser algo complementar. Se alguém quiser presentear os recém-casados com um valor mais generoso, por exemplo, o cartão de crédito será bastante útil”, brinca Machado.

Com pouco mais de trinta dias em vigor, a nova ferramenta do iCasei já conquistou mais de 2 mil casais. As arrecadações podem ser feitas por meio de cartões de crédito com bandeiras Visa ou Mastercard e, inclusive, há a possibilidade de parcelamentos.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Reação dos Leitores





Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário