09/02/2018 17:55:00

Designada emenda para adequação de novo espaço para os bombeiros em Fabriciano

A corporação tem um prazo de cinco anos para assumir a nova sede



Divulgação


Há um ano, o deputado Celinho do Sinttrocel apresentou a proposta de cessão das dependências do DEER, na avenida Tancredo Neves, para instalação do 3° pelotão do Corpo de Bombeiros de Fabriciano, em reunião com o diretor geral do DEER, Djaniro da Silva, uma reivindicação que foi encaminhada ao mandato do deputado pela corporaçã
o.
Em novembro de 2017, finalmente foi feita a cessão do espaço de 2.237 metros quadrados para instalação do 3º Pelotão dos Bombeiros Militar de Coronel Fabriciano, no bairro Caladinho. Celinho esclarece que a corporação tem um prazo de cinco anos para assumir a nova sede e que, se não o fizer, a área será devolvida ao DEER.

Por esta razão, o deputado Celinho atendeu a uma solicitação de apoio para realizar as adequações necessárias para a instalação da unidade no novo endereço, apresentada pelo Comandante da 3ª Cia Independente dos Bombeiros Militares, Alexsandro de Oliveira Nunes, e elaborou uma emenda parlamentar para dar suporte às obras de adequação.
“Recebemos uma planilha de custos das obras que incluem toda a estrutura necessária ao bom funcionamento da unidade dos bombeiros no valor de R$ 450.233 e vamos indicar a emenda para a realização desta obra tão importante para os bombeiros”, esclarece o deputado. Conforme o parlamentar, ainda sem o atendimento do SAMU Regional, os bombeiros são fundamentais no atendimento à população mais carente.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Direita Minas - Vale do Aço

12 de Fevereiro, 2018 | 10:52
Não é mais que obrigação do Deputado e de todos aqueles que representam a população do Vale do Aço correrem atrás dos interesses e melhorias para a população em geral já que a eles lhe foram dados votos de confiança. O problema é que somem durante quase todos os anos de mandato e aparecem quando é ano eleitoral. Rosangela Reis incluída neste pacote. Enormes salários e em grande quantidade também na Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais. Corte em todos os setores da esfera política, seja de número que de salários benefícios e mordomias.
Envie o seu Comentário