21/12/2017 17:20:00

Proposta de R$ 8,42 milhões vence licitação para reconstruir ponte entre Coronel Fabriciano e Timóteo

R.R. Fenix Tecnologia em Serviços assumirá serviço com deságio de R$ 1,37 milhão em relação ao orçamento máximo previsto pelo Dnit



Wôlmer Ezequiel


O contrato, orçado em R$ 9.806.238,89, inclui a elaboração do projeto final e execução de todos os serviços para a ponte ficar pronta
Depois de muita luta e mobilização, enfim foi dado o primeiro passo para as obras da Ponte Velha. A sessão pública que abriu as propostas do Edital 481/2017 do Dnit foi realizada na manhã desta quinta-feira (21). Diferentemente do pregão anterior, o certame de agora não fracassou. Nove empresas se apresentaram para o contrato de execução dos projetos básicos e executivo, e para a execução das obras da chamada ponte velha, sobre o rio Piracicaba, entre Coronel Fabriciano e Timóteo. Com estruturas desgastadas pelo tempo, a ponte completou cinco anos de interdição parcial no mês de novembro passado.

O contrato, orçado em R$ 9.806.238,89, inclui a elaboração do projeto final e execução de todos os serviços para a ponte ficar pronta, funcionando e entregue à população. Entre as obras destacam-se demolição, drenagem, pavimentação, sinalização, proteção ambiental e obras complementares. O Pregão Eletrônico apontou como melhor classificada a R.R. Fenix Tecnologia em Serviços Ltda. – com a proposta no valor de R$ 8.429.999,0000. Portanto, com um deságio de R$ 1.376.239,89.

Conforme o item 15.16 do Edital, a Fenix foi convocada e se comprometeu, a reelaborar e apresentar ao Dnit, “por meio eletrônico, a Proposta de Preço adequada ao lance vencedor, no prazo de 24 (vinte e quatro) horas, juntamente com a Documentação Complementar de Habilitação”. Feito isso, e caso não haja nenhum recurso, o Dnit e a Fenix poderão tomar as medidas cabíveis para o início dos trabalhos.

O prazo total do contrato do empreendimento é 540 dias (18 meses). Os seis primeiros meses (180 dias) devem ser dedicados à elaboração e entrega dos projetos básico e executivo, e os demais 360 dias para as obras.
Divulgação


Enquanto aguarda reforma, ponte velha é ponto marcado por acidentes

Para o deputado estadual Celinho do Sinttrocel, que acompanhou o processo nesta quinta-feira, “este é um passo importante, e concreto, de um processo que só vai acabar quando a Ponte Velha estiver toda recuperada e o trânsito estiver normalizado entre Timóteo e Coronel Fabriciano”.

A ponte foi tema de várias audiências convocadas pelo parlamentar e de reuniões na sede da Superintendência Geral do Departamento Nacional de Infraestrutura (Dnit). Com a demora na solução foi feita reunião até com o ministro dos Transportes, Maurício Quintela, para tratar do assunto.

Os valores disponibilizados para as obras, entretanto, não garantem uma recuperação mais ampla e abrangente da ponte, que na opinião do deputado deveria incluir também obras no trevo da Sinterização e alças de acesso ao contorno rodoviário da BR-381 nas cabeceiras da ponte.



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Breno Melo

03 de Fevereiro, 2018 | 10:30
Deputado "Celinho",

Você como os demais políticos, deveriam TOMAR VERGONHA NA CARA !!!
Já te encontrei por mais de uma vez no aeroporto da Usiminas indo para BH de avião !!! Por que não aproveita para ir de ônibus para BH, além de economizar um trocado para a administração pública ainda aproveitaria para conhecer de PERTO as agruras desta 381 que o POVO (não é assim que vcs dizem ??) tem que utilizar para se deslocar precariamente até a capital !!!
CINCO ANOS para uma obra tão pequena e vc ainda se vangloria disto ???!!!!
CHEGA ESTAMOS FARTOS !!!! Com meu VOTO é que vc não se reelege !!!!

Sena

11 de Janeiro, 2018 | 16:30
8,42 milhões??? A história se repete sem vergonha alguma. Gente embolsando dinheiro público livremente. Ninguém fiscaliza, fica tudo numa boa, a gente paga a conta, políticos e empresa enchem os bolsos e a vida continua. Quanta escola e hospital poderiam ser beneficiados com o dinheiro que vai para os bolsos. Isso é matéria pra sair em jornal nacional. Essa corrupção é exaustiva.

José das Couves

31 de Dezembro, 2017 | 14:09
Caro deputado Celinho, não é de reforma em uma ponte velha que precisamos, nem dará pra ver a olhos leigos os "reforços" que serão feitos, por consequência, não acredito que virão os votos que o sr. espera com essa porcaria de edital. Queremos uma ponte nova com acesso a BR, com mão de obra ociosa da nossa região. Esse gatinho safado carioca tem todos os requisitos de picareta, ainda bem que eles não conseguirão executar essa porcaria de edital, melhor manter a oportunidade de no futuro termos uma obra descente, de acordo com os anceios da comunidade, mesmo que isso custe a eleição de outro deputado que lute por essa causa.

Br 381 Pede Socorro

22 de Dezembro, 2017 | 10:52
E pensar que a Usiminas Mecânica, do lado da obra, fez projeto executivo de graça e faria uma obra com a qualidade de sempre e gerando emprego na região... mas não, vamos chamar o gato carioca... EPP, cheio de processos trabalhistas? Meu Deus...

Ge

22 de Dezembro, 2017 | 10:46
Esperamos que comece e termine essa obra, porque obra nessa região e uma comedia! BR 381 que o diga.

Joaquim Martins

22 de Dezembro, 2017 | 07:00
Essa é só pra ilustrar ,",foram três candidados que participaram do processo de licitação..um mineiro um paulista e um carioca...o orçamento do mineiro ficou por $3000.000,00...o do paulista $6000.000,00 e o do carioca 9000.000,00..e como é de se esperar nestes país,,,logicamente o carioca venceu né..aí o responsavel questionou..poxa vida o mineiro tá cobrando $3000.000,00..e voce $9000.000,00 e o carioca simplesmente respondeu calma rapaz vou te explicar a logica da coisa,destes $9000.000,00 são três pra mim três pra voce e três pro mineiro fazer o serviço entendeu",,,e fica a dica Voce politico da região tomem vergonha na cara...lutem pra que se faça uma coisa boa com as devidas alças pra BR..pra ganhar um 10..

Timoteo Online

22 de Dezembro, 2017 | 06:47
Engraçado que e empresa vencedora do estado do RJ não tem um site para mostrar seus portfólio... hum.... Niterói... com cadastro de empresa de pequeno porte.... com vários processos trabalhistas....

Leoncio Simoes

21 de Dezembro, 2017 | 22:02
Esta Ponte e de ouro? Qual politico ladrao esta a frente desde projeto? Pra arrumar uma ponte com um valor deste? Parem de roubar o brasil,ninguem aguenta mais tanto roubo.

Moises

21 de Dezembro, 2017 | 19:06
18 meses, que vergonha, no japão com 3 meses estava prontinha.Ha e pela metade do preço.
Envie o seu Comentário