07/12/2017 16:50:00

Instituto Prominas anuncia aquisição da Faculdade Única

Juntas, as duas instituições somam mais de 30 anos de experiência na área educacional



Divulgação


Prédio da Faculdade Prominas, na avenida Acesita, no bairro Olaria, em Timóteo
Com o objetivo de somar forças e oferecer um ensino de qualidade para milhares de alunos em um contexto de avanço tecnológico, o Instituto Prominas anunciou sua união ao grupo Única Educacional, mantenedora das faculdades Única em Ipatinga, Timóteo e Contagem. Juntas, as duas instituições somam mais de 30 anos de experiência na área educacional.

Em entrevista ao Diário do Aço, na manhã desta quinta-feira (7), o diretor-presidente do Prominas, Valdir Henrique Valério, informou que a instituição, com sede em Timóteo, já atua há 15 anos na modalidade de Ensino à Distância (EaD) e sua união com a Única eleva os trabalhos já realizado a um novo patamar. “Começamos a divulgar os cursos de pós-graduação da Universidade Cândido Mendes em Coronel Fabriciano, depois Guanhães, Governador Valadares, Caratinga, até atingir o Brasil todo”, explica.

Valdir Henrique acrescenta que o Instituto Prominas também já adquiriu outras faculdades, além da Única. “Com o decorrer do tempo, adquirimos a Faculdade de Ciências Gerenciais e Empreendedorismo (Facige), Faculdade de Computação (FACOMP), Faculdade Instituto Superior de Educação Ibituruna (ISEIB), todas em Montes Claros. A intenção era ofertar os cursos presenciais e também ter a nossa própria portaria EaD para divulgação de cursos de graduação e pós-graduação”, afirma.

O diretor-presidente do Prominas acrescenta que a fusão do Instituto Prominas com a Faculdade Única ocorreu devido a uma necessidade de crescimento dentro do mercado, entretanto, ambas irão continuar com o mesmo nome. “Vamos ter uma potência maior, uma vez que a Única já possui a portaria EaD de graduação e também de pós-graduação. Então, com isso, vamos poder atingir o maior número de cidades do Brasil de forma mais rápida, além de oferecer tecnologia e conforto para todos”, pontua.
Wôlmer Ezequiel


Valdir Henrique e Walter Teixeira, em entrevista ao Diário do Aço

Curso de extensão
Valdir Henrique enfatiza que o Instituto Prominas oferta cursos gratuitos de extensão por meio da sua plataforma na internet. “Temos uma média de 170 mil alunos no Brasil, que estudam de forma gratuita. Somos a única instituição do país que realmente oferece cursos de graça para a comunidade nas áreas de Direito, Educação, Meio Ambiente, Social, entre outras”, destaca.

EaD
Para o diretor-presidente do Prominas, a modalidade EaD cresce cada vez mais no Brasil, devido às pessoas viverem na correria do dia a dia. “Muitos indivíduos precisam de mais tempo para dedicarem-se às suas famílias, ao serviço e, consequentemente, querem mais tranquilidade para estudar em casa. Então o EaD está crescendo por esse motivo”, explica.

Outra modalidade citada pelo diretor-presidente que vem ganhando espaço no país é a Educação Híbrida, que mistura o EaD com o presencial. “Estamos caminhando para o ensino compartilhado, que junta essas duas modalidades. Então é uma boa oportunidade para as pessoas, porque tem aluno que aprende determinada matéria estudando sozinho em casa, mas outros precisam da presença de professores ou de colegas”, informa.

Única
Essa aquisição é enxergada pelo diretor da Faculdade Única, Walter Teixeira, como um passo importante para o desenvolvimento da educação. “Nos últimos anos, trabalhamos muito no projeto de EaD. Em setembro foi aprovada a implementação de mais de 150 polos, mas não tínhamos a expertise para isso. Mas com a aquisição feita pela Prominas, esse projeto será possível, gerando muito mais valor para a comunidade. Vamos trazer para os alunos novas tecnologias, metodologias e atendimento com mobilidade para garantir uma formação de continuidade, acompanhando o aluno ao longo da sua vida”, concluiu Walter Teixeira.

Instituto Prominas anuncia aquisição da Faculdade Única






Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário