07/12/2017 16:04:00

Morre o professor João Damasceno



Arquivo DA


João Damasceno (ao centro, de chapéu) dirigiu o CDC do CSFX
O corpo do professor, ator e escritor João Damasceno Ribeiro, um dos pioneiros do teatro e das artes em Ipatinga, foi sepultado na tarde desta quinta-feira (7), no Cemitério Parque Senhora da Paz.

Joãozinho, como era conhecido pelos amigos que foram acompanhá-lo à última morada, faleceu na quarta-feira, no Hospital Márcio Cunha, onde estava internado por causa de uma cirrose hepática que o acometia há algum tempo.

O detalhe curioso é que João Damasceno faleceu exatamente no dia em que completava 71 anos. Ele era natural de Piedade do Rio Grande, na região do Campo das Vertentes de Minas Gerais.

João Damasceno foi professor em várias escolas de Ipatinga. No Colégio São Francisco Xavier ele dirigiu CDC Centro de Difusão Cultural (CDC), por meio do qual realizou várias edições do Festival Estudantil de Música do CSFX, envolvendo estudantes da escola E pessoas da comunidade como intérpretes e parceiros nas composições.

O Centro de Difusão Cultural também organizava Recitais de Poesia e Música Clássica, em parceria com Academia de Letras de Ipatinga e o Clube dos Escritores de Ipatinga – Clesi -, com a participação de escritores, músicos e atores da região, professores e alunos do colégio.

Estes eventos eram realizados na antiga Igreja Sagrado Coração de Jesus, anexa ao Colégio São Francisco Xavier, onde atualmente funciona o Teatro Zélia Olguin.

O CSFX também promoveu grandes shows com artistas famosos: Zé Ramalho e Gonzaguinha, no campo de futebol da escola; Marco Antônio Araújo, Banda de Pau & Corda e João Bosco, no antigo Cine Horto. (Fonte: Coluna “Ipatinga Cidade Jardim” - Diário do Aço)


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário