29/11/2017 18:08:00

Bloco de Moda e os bordados mineiros

Wagner Penna e as novidades do mundo fashion



Wéber de Pádua/Divulgação


A moda da Arte Sacra, em versão casual
BORDADO
Os bordados criados pela saudosa Lygia Mattos voltaram ao mercado, agora feitos sobre tecidos de fácil manutenção, como o percal. A mostra com o tema foi realizada em Beagá, na loja da Sandra & Márcio, com um catálogo muito bacana assinado pela designer Margareth Marinho.

Só para situar: os bordados da Dona Lygia são tão preciosos que foram parar no enxoval de bebê do príncipe-herdeiro Williams, encomendados aqui pela sua mãe, Lady Di, na época muito amiga da mineira Lucia Flecha de Lima. Obviamente eles estarão, algum dia, numa expô sobre o futuro rei da Inglaterra.

SUSTENTÁVEL
A gente já falou aqui sobre a força que a chamada moda sustentável vem ganhando em todo o mundo. Nem precisa lembrar que a estilista inglesa Stella McCartney é um ícone desse segmento, e que inclusive não trabalha com matéria-prima animal nem com produtos que não integrem a cadeia têxtil do comércio justo.

Pois agora o assunto chegou por aqui, com a Brasil Eco Fashion Week, que aconteceu esta semana em São Paulo. Entre as grifes mineiras por lá, a Doiselle e a Grama. Anteriormente outras tentativas foram feitas, mas não deram certo. Tomara que, desta vez, a coisa ande.

SAPATO
A feira Zero Grau que aconteceu em Gramado, lançando o inverno 2018 em sapato, bolsa & acessórios, foi sucesso total. As vendas superaram as expectativas, com expansão maior nas exportações nas linhas feminina, masculina e infantil.

Um comprador da Espanha, com 500 pontos de vendas em seu país, adquiriu boa quantidade das novidades femininas. O fato é que o setor vai reagindo, tanto pela retomada econômica dentro do Brasil como pelo crescimento lá fora. Afinal, 30% da produção brasileira de calçados é exportada.

O setor faturou mais de R$1 bilhão no último ano, gerando quase 300 mil empregos. Como se vê, nem tudo está perdido!

////

Divulgação


O mineiro Martielo Toledo, sucesso em SP
VAIVÉM
* De fato, o estilista mineiro Martielo Toledo sempre foi multifacetado. Integrante da geração que nos deu também nomes como Ronaldo Fraga, Victor Dzenk e Eduardo Suppes, entre outros, ele segue com suas experimentações criativas.

Esta semana ele abriu a expô Sci-Fi Punk Projects, em São Paulo, mostrando um mix de quadrinhos retrô-futurista, moda, música, arte e tecnologia. ***

* Esta semana o circuito da moda internacional lamentou a morte do estilista Azzedine Alaia. De origem tunisiana, ele fez sucesso em Paris com seus modelos em couros finíssimos, lindos. Uma exposição sobre o seu trabalho, ano passado, na Itália, mostrou bem isso. ***

* Além de ser um dos ícones fashion mais fortes da atualidade, senão o maior deles, a bela Rihanna também brilha como empresária. Sua linha de maquiagem, com 40 tons, foi considerada pela revista ‘Time’ como uma das melhores invenções de 2017, por atender a diversidade. Em quatro meses, a empresa alcançou o valor de 300 milhões de dólares. ***

PONTO FINAL - Próximo ao mês de encerrar o ano, o povo da moda já pode contar pontos positivos na expansão dos seus negócios em 2017. Na verdade, a coisa andou um pouco devagar até meados do ano, mas decolou daí em diante.

A maioria consultada pela coluna disse ter havido um avanço significativo de vendas em relação a 2016, algo impensável até agosto passado. Realmente, o país vai saindo do vermelho. Amém!


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Reação dos Leitores





Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário