21/11/2017 08:58:00

Jovem é assassinada a tiros no Residencial Bethânia

Vítima aguardava ônibus para ir ao trabalho, quando foi assassinada por dupla em uma motocicleta. Ex-amásio é procurado como suspeito de envolvimento no homicídio



Wellington Fred + reproduçao


Bruna Gomes de Freitas foi morta a tiros enquanto aguardava ônibus para o trabalho


A terça-feira começou com o registro de um homicídio na rua principal do Residencial Bethânia, em Santana do Paraíso. Bruna Gomes de Freitas, de 20 anos, foi morta a tiros por uma dupla que estava em uma motocicleta Honda Falcon, nas cores vermelha e preta.

Um dos tiros atingiu a cabeça da vítima e transpassou por um dos ouvidos. Pessoas que moram nas proximidades do local do crime relataram que foram dados entre três e quatro tiros.

O crime aconteceu perto de um ponto de ônibus. Bruna levava no braço um capacete azul, de motociclista, e uma bolsa com objetos pessoais.

Conforme as testemunhas, a jovem aguardava condução para o trabalho, quando chegou a dupla de assassinos na motocicleta. Bruna trabalhava em um salão de beleza na avenida Macapá, no bairro Veneza, em Ipatinga.

Segundo informações de vizinhos, repassadas à reportagem do Portal Diário do Aço, no local do assassinato, Bruna havia terminado um relacionamento amoroso há aproximadamente um mês, e ficou morando com o filho de três anos, que ela teve com o homem com quem vivia.

O ex-amásio, Vennon Rodrigues de Oliveira, de 23 anos, que tem passagens pela polícia por tentativa de homicídio, é procurado como o principal suspeito do crime. O irmão dele, Isaías Dias Simão, teria dado fuga após o crime e também é procurado.
Reprodução


Autores do assassinato foram flagrados por câmeras de segurança momentos antes do homicídio, em uma Honda Falcon vermelha e preta


Nos levantamentos feitos pela polícia, na manhã desta terça-feira, foram recolhidas imagens das câmeras de segurança do bairro. Em uma delas, o carona da motocicleta é visto portando uma arma de fogo, minutos antes do assassinato.

O tenente PM Wanderson confirma que o ex-marido da jovem é o principal suspeito, conhecia bem a rotina da vítima, planejou o crime e o executou. "Levantamentos indicam que o ex-marido não aceitou o fim do relacionamento, ela estava iniciando um novo relacionamento e ele também reivindicava a guarda da criança, um menino de três anos", detalhou o oficial.

Quem tiver informações que ajudem a elucidar o crime, pode contribuir repassando ao telefone 190, da Polícia Militar. Não é preciso se identificar.

Ela nunca teve uma boa vida, diz avó que criou Bruna

A lojista Maria de Fátima Gomes, do bairro Industrial, informou que criou a neta desde pequena. Ao saber do homicídio, Maria de Fátima foi para o local. Transtornada ao ver a neta caída sem vida em um canto da rua, a avó disse em entrevista que Bruna não tinha comentado sobre possíveis ameaças.

"Espero que a polícia apure a autoria do crime. Temos agora uma criança de três anos, muito ligada à mãe, que não tem condições nem sequer de saber o que aconteceu. Todo dia ela levava esse menino para a creche, tomava o café dela lá em casa e ia para o trabalho".

"Ela nunca teve boa vida e sempre trabalhou para que nada faltasse ao menino. A gente sempre sofreu juntas, demos apoio em momentos de dificuldades dela, até quando ela e o marido separaram e Bruna ficou somente com um colchão e um fogão. Há três meses perdi a pessoa de minha vida e, agora, perdi a minha neta. É muito sofrimento", concluiu.


Jovem é morta em ponto de ônibus, em Santana do Paraíso


Investigações indicam ameaças do ex-amásio à vítima
Álbum pessoal


O ex-amásio Vennon Rodrigues é procurado desde ontem como suspeito do crime

O delegado responsável pelo caso, Bruno Morato, da Delegacia de Polícia Civil de Santana do Paraíso, informou que o proprietário da motocicleta foi encontrado, conduzido para a delegacia da PC, prestou depoimento e foi liberado.

O dono da moto disse que tem o hábito de emprestar a motocicleta para o irmão do suspeito do crime constantemente. "Acreditamos que o irmão conduziu a moto e o ex dela tenha feito os disparos”, informou o delegado.

Bruna e Vennon Rodrigues tinham um relacionamento conturbado e marcado pela violência. O delegado Bruno Morato revela que em 2013, ele chegou a cometer um atentado contra Bruna e um ex-namorado dela. “Atirou contra os dois, mas eles não foram atingidos. Na ocasião, representamos pela prisão preventiva dele, mas o pedido foi negado pela Justiça”, comenta Morato.

As investigações abrangem, inclusive um telefone celular que Bruna usava. O aparelho foi apreendido e a polícia já teve acesso a mensagens em que o ex-amásio faz ameaças constantes à jovem.


MAIS FOTOS
Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Leoncio

23 de Novembro, 2017 | 10:18
Tem que prender o Bandido i tbm quem negou o pedido de prisao dele

Dinira

22 de Novembro, 2017 | 14:14
Que triste, o pior é q agora ta assim,a pessoa não tem nem direito de levar a vida,so pq não quer mais o relacionamento. E as autoridades fazem nada,como sempre!!

22 de Novembro, 2017 | 13:27
Justiça froxa,se tivesse decretado a prisão desse safado,quando ela prestou queixa,talvéz teria evitado,lugar de bandido e preso,tem um monte desses bichos de pé que acha que é vagabundo no Industrial,fica dando uma de bam bam bam ,volte amoto verde e extermine esses lixos!

Rocha

22 de Novembro, 2017 | 09:17
O meu jovem a cidade tão pequena é 110 km2 maior que ipatinga,

Esquadrão da Morte

22 de Novembro, 2017 | 07:24
ATENÇÃO BANDIDAGEM QUE MATA, ROUBA, ESTUPRA, TRAFICA, E SEQUESTRA. O ESQUADRÃO DOS ANOS 70 ESTÁ DE VOLTA PARA ELIMINAR DA SOCIEDADE O LIXO COMO ESSE COVARDE QUE TIROU A VIDA DESSA MULHER E MÃE HONESTA E TRABALHADORA. BORA LIMPAR O VALE DO AÇO...

Seu Ze

21 de Novembro, 2017 | 20:28
Crime passional não tem nada a ver com vagabundo.isso é infeliz coincidência. A muitos homens doentes que pensa ser dono da mulher e não aceita a separação homens trabalhadores e que se puxa a capivara dele não consta nada.

Gilberto dos Reis Vidal

21 de Novembro, 2017 | 19:15
" DEPOIS QUEREM PROVAR PRA MIM E PARA SOCIEDADE QUE NAO EXISTE PENA DE MORTE NO BRASIL, EXISTE SIM !... , POREM DO LADO ERRADO, OS BANDIDOS DANDO SENTENÇA DE MORTE PARA PESSOAS INOCENTES,TRABALHADORES, CRIANÇAS, JOVENS..... LAMENTAVEL...

Ipatinga

21 de Novembro, 2017 | 18:57
Sentimentos a família!
Que sirva de exemplo pra muitas moças!

Marcos Guimarães

21 de Novembro, 2017 | 18:29
Tantos comentários!!!! Neste jogo dos sete erros, alguém saberia identificar cada um deles?
1-Trata-se de mais um crime que a PM não conseguiu evitar;
2-Trata-se mais uma mulher vítima da covardia, do Feminicídio;
3-Trata-se da estrutura familiar fragmentada, valores que a corja do PT e outros, colocaram a perder,
4-Trata-se de uma moça, que não vale a pena julgar as escolhas, atire a primeira pedra quem nunca errou;
5- Trata-se da conjuntura Social do Brasil, que não dá condições para que Mães que se separam, tenham o mínimo de dignidade, de proteção;
6- Trata-se do estatuto do desarmamento que tirou de todos nós o poder de resposta aos bandidos;
7- trata-se de um homem, que caso seja culpado, deveria estar preso, mas as leis frouxas e a Justiça fracassada, o colocou nas ruas.
Meus Pêsames à Família que agora , ficou em frangalhos. E se o sistema não mudar e Deus não tiver misericórdia, daqui a alguns anos, essa criança sem pai e mãe, vai dar muita dor de cabeça ao vale do Aço. Que o Conselho tutelar e parentes façam a sua parte.

Policial

21 de Novembro, 2017 | 17:42
Santana do paraiso , uma cidade tao pequena e com alto indice de violencia.... lugar perigoso de frequentar ...

Bruno

21 de Novembro, 2017 | 17:27
Meus sentimentos a familia 👪

Estrela

21 de Novembro, 2017 | 16:27
MEUS SENTIMENTOS A FAMÍLIA, ME COLOCO NO LUGAR DELES E DEVE SER UMA DOR ETERNA. QUEM FEZ ISSO, NÃO PENSOU NA CRIANÇA. NÃO HÁ JUSTIÇA QUE AMENIZE O SOFRIMENTO!

Renegado

21 de Novembro, 2017 | 15:48
Infelizmente hoje em dia a maioria das mulheres não se importam com os valores morais na hora de buscar uma vida a dois e construir uma família. A opinião dos pais nesses casos são o que menos elas querem. O fim as vezes é esse.

Justiceiro

21 de Novembro, 2017 | 15:28
Atenção mulherada que gosta de ostentação e ficar com bandido hoje vc vive na ostentação amanhã vc pode estar atrás das grades ou até mesmo num caixão que Deus conforte o coração da família e do pequeno filho dela é desse cidadão que se acha bandido mais não é pq bandido de respeito não é covarde então o que tem é que alguém cobrar nesse pilantra dá nele uns 16 tiros de pistola 380 já tá bom ......
Meus sentimentos Que Deus a tenha em seus braços

Sorriso®®®

21 de Novembro, 2017 | 15:18
Mais um frouxo, q é totalmente dependente de uma mulher a qual ele é tão incompetente que consegue perder... frouxo frouxo frouxo. agora vai ficar um bocado de tempo no meio de um monte d cueca.

Brasileiro

21 de Novembro, 2017 | 13:52
Tem um ali que diz "Quem trai vai pagar". Não. Quem matou é que vai. A moça foi pra junto de Deus, que está permitindo esses canalhas fazerem o que eles gostam. É assim que se separa o joio do trigo. Eu acredito que um dia ele possa voltar, quem sabe em um mundo melhor, onde esse lixo humano que mata por gosto e vingança de coisa pequena já não exista mais. Mais um coisa eu digo, quanto mais esse tipo de coisa acontece, mais a revolta do Brasileiro aumenta e vai chegar um hora que esse país vai ficar pequeno pra tanto vagabundo que tem por aqui.

Roberto

21 de Novembro, 2017 | 13:47
Concordo com vc Judas. Isso é um alerta pra essas meninas novinhas, ficam curtindo vida Boa com esses vagabundos mas por isso elas assinam a sentença de morte .isto é fato .elas perdem sua liberdade da vida, Ou seja, sua vida pertencera ao vagabundos

Cristina

21 de Novembro, 2017 | 12:14
Uma pessoa que faz isso para mim e um demônio pois se ele nao pode dar a vida tambem nao pode tirar pessoas que fazem isso tem que morrer pior na crueldade eu acho pois mesmo ela ter tido escolhas errada ou nao ele nao podia fazer isso nao esse demônio

Capitão Nascimento

21 de Novembro, 2017 | 12:05
Covardes, canalhas, chifrudos do Satanás. O arginal não tem capacidade de vencer na vida e descarrega sua frustração em inocentes, indefesos, e pessoas de bem. Tem que enforcar esses bandidos em praça pública.

Corta Pra Mim

21 de Novembro, 2017 | 11:40
Que pena jovem tão linda tão cheia de vida e de planos. Que deus conforte o coração dos parentes dela.

Mlk Zika

21 de Novembro, 2017 | 11:21
Quem traiu vai pagar ! Na fé de Deus

Maria Ilza

21 de Novembro, 2017 | 10:42
Sempre tem um JUDAS pra colocar culpa na vítima. Nem conhece a história da pessoa.Lamentável

21 de Novembro, 2017 | 10:29
Bandido safado,cadeia nesse vagabundo,a lei do Brasil deveria ser mais severas pra esses vagabundos.

Joseliara

21 de Novembro, 2017 | 09:41
Que pena mais uma criança orfã, e se realmente foi isso o motivo do crime misericórdia neste amor obsessivo.Meus sentimento aos familiares e oremos por essa criança...

Vanna

21 de Novembro, 2017 | 09:38
Até quando esses covardes vão achar q são donos da vida das mulheres, q podem usar, abusar, matar e destruir famílias, deixar crianças órfãs, lamentável, mais um caso entre milhares por aí, nesse país sem leis, país de corruptos comandado por vagabundos, até quando...

Judas

21 de Novembro, 2017 | 09:36
issu qe da namorar esses ze droguinha , se tivesse namorado um trabalhador uma pessoa honesta nao teria esse fim , lamentavel ver uma pessoa tao jovem e mae de uma filha perder a vida dessa forma , mais cada um colhe o qe planta .
Envie o seu Comentário