13/11/2017 10:15:00

Cinco presos e mais de 800 quilos de maconha apreendidos pela PM em Ipatinga

Entorpecente apreendido estava em uma picape e outra parte em uma oficina de lanternagem no Iguaçu



Divulgação Polícia Militar


Todas as barras de maconha deu pra fazer "uma parede" no posto da PM


A segunda maior apreensão de maconha do Vale do Aço, em menos de um mês, foi registrada na madrugada desta segunda-feira (13) em Ipatinga. Cinco pessoas suspeitas foram presas e cerca de 820 quilos do entorpecente apreendidos pela Polícia Militar no bairro Iguaçu. Uma oficina de lanternagem era usada para a guarda da droga.

A ocorrência começou após informações recebidas pelos policiais militares da 143ª Companhia. Populares receberam informações segundo as quais o dono da oficina de lanternagem Vinícius Car, na avenida José Júlio da Costa, no bairro Iguaçu, estaria envolvido com o tráfico de drogas.

Os policiais militares passaram a monitorar o local, com alguns PMs descaracterizados observando a movimentação na oficina. Neste tempo, um Ford Fiesta preto foi visto passando várias vezes pelo local. O condutor chegou a parar o carro, olhar pelo portão da lanternagem. Em uma das vezes, desembarcaram dois homens e eles entraram no imóvel.

Pouco depois apareceu uma picape VW Saveiro branca, que após ser manobrada, entrou na oficina. Neste momento, as equipes comandadas pelo tenente Johne Wischer resolverem abordar o local monitorado. O condutor da Saveiro saiu dirigindo o veículo em alta velocidade, seguido por uma picape Chevrolet S10 branca.
Wellington Fred


Foram presos quatro homens e uma mulher suspeitos do tráfico de drogas


A Saveiro conseguiu fugir do cerco, mesma sorte não teve o motorista da S10, que jogou o veículo para cima de três policiais militares. Um dos PMs acabou se machucando. Para se defenderem, eles dispararam tiros contra a picape, fazendo que o condutor parasse. Nenhum dos ocupantes foi atingido, apenas a lataria do veículo recebeu os disparos.

Os dois ocupantes da picape S10, que bateu em uma viatura da PM, desembarcaram e entraram em um lote, onde foram presos Marcos Morais de Sá, de 33, e Walas Sidney da Cruz Santos, de 22 anos. Eles são os dois que foram vistos desembarcando do Fiesta, um pouco mais cedo. Na carroceria da S10 foi localizada uma grande parte da droga.

Outra tentativa de fuga

No momento da abordagem, o condutor do Fiesta tentou fugir e também jogou o carro para cima dos policiais. Sem obedecer as ordens de parada Fiesta também foi alvejado por tiros disparados pelos policiais, o que obrigou o condutor a parar. No carro foi preso Fernando Ferreira Luiz, de 32 anos, a mulher dele, Luciana Martins de Souza Ferreira, de 28 anos, e o filho do casal, um menino de cinco anos.

Os policiais também realizaram a prisão do proprietário da oficina, Vinícius Ferreira Fernandes, de 33 anos, que estava na residência dele. Na lanternagem foi encontrado o restante da droga, totalizando 1.399 tabletes e cinco porções de maconha, pesando cerca de 820 quilos. Um revólver calibre 38 municiado foi apreendido.

O tenente Johne disse ao Portal Diário do Aço que uma máquina usada para cortar lataria estava sendo utilizada para o corte das barras de maconha. “Graças ao reconhecimento da população no trabalho da Polícia Militar, podemos realizar esta grande apreensão”, comentou o oficial que comandou a operação. Todos os presos e o material apreendido foram entregues na 1ª Delegacia Regional de Ipatinga.

Outra apreensão no dia 23/10

No dia 23 de outubro passado um casal foi preso com mais de 250 quilos de maconha, depois de um abordagem na avenida Cláudio Moura (BR-458), no Centro de Ipatinga.

O capitão PM, Anselmo Pedrosa, comandante da 143ª Cia do 14º Batalhão, informou ao Portal Diário do Aço, que havia uma informação segundo a qual um casal estava envolvido com o tráfico. Os militares realizaram a abordagem dos suspeitos na avenida Cláudio de Moura (trecho urbano da BR-458), próximo da praça Caratinga.

O casal, Nilson Gonçalves de Sá Júnior, de 23, e Maísa Vanessa de Oliveira, de 20 anos, transportava dezenas de barras de maconha em um Chevrolet Celta. “Resolvemos conferir o apartamento deles, no bairro Cidade Nova, em Santana do Paraíso, onde encontramos a outra parte do entorpecente”, comentou o oficial ao Portal Diário do Aço logo após a pesagem da droga.


MAIS FOTOS
Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Sorriso®®®

13 de Novembro, 2017 | 19:15
heee gente um dia a casa cai... parabéns policia militar. esse de rosa na foto é um playboy do cariru criado a danoninho e misto kente. neh não Marcos. kkkkkkkkkkkkkkk tenho pena do pai e da mãe mas desse lixo eu não tenho nenhuma.

Paulo

13 de Novembro, 2017 | 17:06
Pensar não só em pena de morte para o infrator mas tbm para os que os apoiam, assim os aspectos sociais não seriam necessários para resolver o problema.

Fabiana

13 de Novembro, 2017 | 14:00
Pensar em práticas dessa natureza leva a população a um imaginário da figura do infrator como aquele que deve ser excluído, exterminado. Nesse sentido, analisar os aspectos sociais que determinam a criminalidade nos auxilia a compreensão de que a pena de morte não seria a solução.



Roberto

13 de Novembro, 2017 | 11:21
Parabéns pra Polícia. Pena q vão estar nas ruas em breve pra continuar traficando . Lei brasileira é uma vergonha, em outros países era pena de morte pra eles .
Envie o seu Comentário