17/09/2017 21:00:00

A Romantização do Sofrimento!




A ROMANTIZAÇÃO DO SOFRIMENTO | #TÊTE-A-TÊTE DA | com NICOLLI EMERICK
Não é de hoje que deparamos com filmes e livros de romance que nos enchem os olhos e o coração. O casal perfeito que vive o impossível para ficar junto, a mocinha que sofre ao ver seu príncipe encantado partir ou o rapaz que decide tirar a própria vida por não poder ter o seu amor por perto.

Afinal, para que se tenha amor é necessário que antes haja sofrimento? Infelizmente, só descobrimos que alguns contos de fada não são tão belos assim quando nos tornamos adultos. Ao ver algumas dessas histórias, somos levados a acreditar que quando é amor de verdade as coisas são mais difíceis, conturbadas ou até mesmo violentas. E acabamos, algumas vezes, acreditando que a forma correta seja mesmo essa. Mas não, a história não é bem assim, até porque, com esse triste enredo, os finais nem sempre serão os mais felizes.

A cada ano deparamos com mais casos de relacionamentos abusivos, além de denúncias de agressões verbais e físicas. Muitos desses comportamentos vêm de relações nada românticas, onde o personagem principal não é a paixão ou o amor, e sim, o sofrimento. É comum vermos parceiros (as) que querem ter total controle sobre o outro, que fazem proibições sobre quais lugares frequentar, sobre com quais pessoas o outro deve ou não se relacionar ou até mesmo o surgimento de brigas e discussões a todo instante, onde no final só um é o culpado.

Todo esse comportamento deve ser visto e analisado com muita cautela. Às vezes, quando estamos imersos em uma determinada situação, não conseguimos enxergar o que de fato está acontecendo. Por isso, esteja sempre atento aos detalhes, por mais que em algum instante eles possam vir a parecer irrelevantes.

Procure o amor, mas se ame em primeiro lugar. Não deixe de acreditar que as histórias podem, sim, ter finais felizes. Só não se deixe levar pelos enredos fantasiosos e conturbados, mas que, no final das contas, não passam de mera ficção.

E no Tête-à-Tête dessa semana convidamos, mais uma vez, a estudante Nicolli Emerick, para um bate-papo sobre esse assunto muito importante e que precisa ser visto, mesmo que só por um instante, com um pouco menos de coração e muito mais razão.

Dúvidas? Sugestões? Perguntas? Deixe nos comentários!

Micaela Sousa

PRODUÇÃO VILLA LIANDA
- Roupa e Sandália: Villa Lianda https://www.instagram.com/lojavillalianda/ (@lojavillalianda)
- Maquiagem: Amélia Vaz https://www.instagram.com/ameliavazmakeup/(@ameliavazmakeup)



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário