30/01/2017 16:00:00

Morre Masaya Nakamura, 'pai do Pac-Man'



Executivo fundou em 1955 empresa que se tornaria a Namco, responsável pelo joguinho fenômeno dos videogames.



Masaya Nakamura, o pioneiro do videogame japonês conhecido como "o pai do Pac-Man", morreu aos 91 anos, informou sua companhia nesta segunda-feira (30).

Nakamura, que morreu no dia 22 de janeiro, fundou uma empresa em 1955 que mais tarde se tornaria a Namco. A companhia começou instalando dois cavalos mecânicos de madeira no terraço de uma loja de departamentos e passou a desenvolver jogos domésticos e arcade, parques temáticos e outros parques de diversões. Ela se fundiu com a gigante de brinquedos japonesa Bandai em 2005.

O designer de jogos da Namco, Toru Iwatani, criou o Pac-Man amarelo, que chegou ao mercado em 1980. O personagem se tornou extremamente popular entre os jogadores e o Guinness World Records, o livro dos recordes, o classificou como "a máquina de arcade operada por moedas mais bem-sucedida".
Nakamura ainda trabalhava como conselheiro sênior da Namco. A companhia não divulgou detalhes sobre sua morte, alegando estar cumprindo o desejo da família.

Fonte: G1



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Reação dos Leitores





Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário