06/07/2016 15:48:00

Operação cerca suspeitos de tiroteio em Ferros

Força policial começa a prender membros de gangues que aterrorizaram moradores de Cubas com troca de tiros




DA REDAÇÃO – Uma operação desencadeada pela Polícia Militar identificou um grupo de pessoas envolvidas em uma troca de tiros em uma área rural entre os municípios de Ferros e Joanésia. Dos suspeitos envolvidos, três estão presos, um dos quais, recebe atendimento hospitalar sob guarda.



A polícia foi acionada na manhã de terça-feira (5) depois que moradores do distrito de Cubas, município de Ferros, relataram a ocorrência de um tiroteio do qual participaram várias pessoas.



O tiroteio deixou em pânico professores e estudantes de uma escola, que em mensagens divulgadas pelas redes sociais, relataram momentos de terror vivido no momento em que alguns dos envolvidos na troca de tiros se refugiaram dentro do estabelecimento de ensino, lotado de crianças.



Diante da gravidade dos relatos, uma força policial foi montada com homens do 26º BPM de Itabira, 14º BPM de Ipatinga, 58º BPM de Coronel Fabriciano e destacamentos de Joanésia e Mesquita.



Logo ao chegar policiais depararam com o VW Gol placas JOI-1215, de Coronel Fabriciano, com várias perfurações provocadas por tiros.



Dois quilômetros à frente, na rua principal de Cubas, policiais encontraram um VW Gol, também abandonado, e igualmente com várias perfurações por tiros. ##[113305]##

Em buscas pelas estradas rurais, policiais depararam com dois irmãos, suspeitos de envolvimento com o caso: Wilton Dorvalino Pires, de 19 anos e Walaci Dorvalino Pires, de 24.



Ambos em uma motocicleta Yamaha XTZ sem placa. No Hospital Municipal de Governador Valadares foi encontrado Alexandre Martins Pereira, de 32 anos, ferido no tiroteio.

Em uma casa, na localidade rural de Pouso Alto, foram apreendidas garrafas que seriam utilizadas como coquetel molotov. Na cena do tiroteio foram  recolhidas cápsulas deflagradas de armas calibres 9 milímetros, 380 e 12.



A maioria dos envolvidos foi identificada e a polícia já sabe que alguns dos feridos no tiroteio receberam atendimento médico no Hospital São Judas Tadeu em Ferros.



A troca de tiros envolveu dois grupos rivais. Conforme as mensagens dos moradores de Cubas e de Joanésia, a disputa já provocou três mortes somente este ano. Os homens dos dois grupos são acusados de envolvimento em diversas atividades criminosas.



MAIS:



Preso em Aimorés homem foragido do Vale do Aço - 06/07/2016



Idosa vítima de atropelamento por moto vai a óbito em hospital - 06/07/2016




Reação dos Leitores





Envie o seu Comentário